A moda sustentável abraça antigas tradições e novas tecnologias

A gente sabe que fazer uma moda mais ética, socialmente justa e ambientalmente correta ainda é um grande desafio para todo mundo envolvido no processo, né? ⁠
.⁠
Até pouco tempo atrás, as pessoas não sabiam dos impactos negativos da indústria, então, o caminho ainda é incerto. Mas, uma coisa a gente pode afirmar: a moda sustentável caminha lado a lado das antigas tradições e das novas tecnologias. ⁠
.⁠
➡ Voltar o olhar para trás é importante porque a gente consegue se espelhar na maneira de fazer moda antes do fast fashion, onde o processo produtivo respeitava o tempo para o artesão confeccionar a peça, as matérias-primas tinham origem natural, e a gente precisava respeitar o “ciclo produtivo” da natureza. Não é à toa que novos designers tem resgatado essas origens, né? ⁠
.⁠
Mas não é só de tradições que vive a moda sustentável. A inovação também é essencial para transformar a cadeia. ⁠
.⁠
➡ Técnicas como a reciclagem de tecido, o aprimoramento de propriedades dos materiais, e a confecção de novas matérias-primas mais sustentáveis, só são possíveis com o avanço da tecnologia. ⁠
.⁠
A tecnologia também é uma super aliada quando falamos em transparência, afinal, hoje a gente consegue levar o rastreamento da cadeia de produção a um nível de confiabilidade de quase 100% graças aos avanços tecnológicos! 📱💭⁠
.⁠
Encontrar o caminho certo para o seu negócio de moda pode não ser tarefa fácil, mas ter isso em mente já ajuda bastante, né? Conta pra gente: quais as maiores dificuldades na hora de se posicionar entre a tradição e a inovação? 🗣

Deixe uma resposta